Leite “empedrado”

7b886c865f0711e29e1622000a9d0ec7_7

O ingurgitamento mamário (famoso “leite empedrado”) preocupa e incomoda bastante as mamães. Nada mais é do que uma produção maior de leite do que o que o bebê consegue mamar, por isso é mais comum no início da amamentação, quando o bebê mama pouquinho de cada vez. Quando acontece, a mama fica bastante endurecida e dolorosa, às vezes apenas parte dela, formando as “pedras”. É importante estar atenta porque é possível evitar que o leite se acumule demais fazendo a ordenha entre as mamadas caso seja necessário, ou dando de mamar. Se mesmo assim acontecer, procure um local tranquilo, relaxe, e tente massagear o local delicadamente. Não é preciso força! A massagem deve ser feita com as pontas dos dedos, em movimentos circulares, em seguida drenando delicadamente no sentido do mamilo. Após alguns minutos de massagem, posicione a mão em forma de C segurando a aréola(mais ou menos onde a boca do bêbe deve estar) e aperte para sair o leite. Repita até que o bico do seio fique macio, e coloque o bebê para mamar ou uma desmamadeira. Lembre-se que compressas quentes só aliviam na hora, mas pioram a situação pois estimulam a produção de leite. Pode-se fazer compressas frias(uma fralda com água gelada), mas por periodos curtos (1 a 2 minutos) para que tb não haja estimulação. Nem sempre é fácil de resolver e algumas mães precisam de ajuda profissional, mas não se desestimule, quase todas as mães passaram por isso! A Dra. Marina é mastologista e vai estar esta semana preparando posts comigo especialmente para voces. Mais informaçoes voces acham no site dela emojiemojiemojiWWW.MASTORECIFE.COM.BRemojiemojiemoji

3 thoughts on “Leite “empedrado”

  1. Andressa Uruguay
    18 de Janeiro de 2013 at 17:56

    Me mandaram fazer compressas quentes!!! Afff…. Só depois de sofrer um pouquinho, foi que descobri que estava fazendo tudoooo erradoooo, o ideal de fato são as compressas frias. Muito bom o post e muito esclarecedor!!!

    1. 18 de Janeiro de 2013 at 19:28

      Obrigada querida =)
      Fico feliz que tenha gostado!

      Bjs

      Mirela

  2. suzinara braga da silva
    31 de Janeiro de 2013 at 19:32

    a minha gravidez foi toda planejada, o que nao foi planejado foi esse ingurgitamento, apesar de ser enfermeira a 6 anos e trabalhar em uma UTi NEO, estou totalmente desprerada pr esse problema. Doi muito, minha filha fica muito irritada na hora de mama, me da um desespero, ela esta tomando complemento ate conseguir mama direito, nao vejo a hora disso tudo acabar e minha filha mamar do no meu seio.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *